LEIA A BÍBLIA

ORATÓRIO

ORATÓRIO
Acenda uma vela

SIGA-NOS

twitter

MARCADORES

RIODEJANEIRO SANTOS NOTÍCIAS VATICANO ARTIGOS LONDRINA VICENTINOS FAMÍLIA JMJ MEMÓRIA BEATIFICAÇÃO HOMILIAS ECUMENISMO Formação POLÍTICA SAÚDE MÚSICOS CNBB ECONOMIA Pe.REGINALDO CINEMA CAMPANHAS EUA ESPIRITUALIDADE MINASGERAIS PASTORAIS SÃOPAULO ABORTO CANÇÃONOVA LIVROS ORAÇÕES CURITIBA JUVENTUDE MARINGÁ MISSÕES POLÍCIA PORTUGAL EXORCISMO COMUNICAÇÃO MULHER Testemunho Entrevista INTERNACIONAL JUNDIAÍ VOCAÇÕES MUDABRASIL FUTEBOL MENSAGENS Pe.ZEZINHO UNIVERSITÁRIOS DireitosHumanos EUCARISTIA APOLOGÉTICA DENÚNCIA TEOLOGIA HUMOR INTERNET MILAGRES BÍBLIA ECOLOGIA CANONIZAÇÃO CASAMENTOS NAMORO APARECIDA EDUCAÇÃO MOVIMENTOS PASTCRIANÇA ANCHIETA CIMI CIÊNCIA CORRUPÇÃO ESPORTE POESIAS Rio+20 SALVADOR SANTAMARIA TURISMO VATICANOII APOSENTADOS CRIANÇAS EVANGELIZAÇÃO FINADOS INFANTIL IRMÃDULCE PALOTINOS ADVOCACIA AGRICULTURA CARNAVAL PORTOALEGRE PSICOLOGIA TEATRO AMAZONAS BENFEITORES BRASÍLIA COMEMORAÇÕES CRÔNICAS DEMOCRACIA DIREITOS DOCUMENTÁRIO FOCOLARES FORTALEZA MEIOAMBIENTE MUTICOM PARANAGUÁ PUBLICIDADE QUARESMA SEXUALIDADE XAVERIANOS ÁFRICA ÁGUAS ANÔNIMOS APUCARANA CAMPINAS COMUNICADOS CONFISSÃO CristoRedentor CÁRITAS DEFICIENTES DEPRESSÃO FLORIANÓPOLIS FOTODIGITAL INGLATERRA OpusDei PARAGUAI POBREZA SANTOANTÔNIO TERRORISMO ANIVERSÁRIO APARIÇÕES ARGENTINA CEBs CIDADANIA CLARETIANOS IDOSOS ISLAMISMO JERUSALÉM JOÃOPAULOII JUSTIÇA LITERATURA MANAUS PARANÁ PARÓQUIAS PAULINAS PENSAMENTOS REDEVIDA RESSURREIÇÃO SANTUÁRIOS SOLIDARIEDADE UMUARAMA  NOTÍCIAS ADOÇÃO ATEÍSMO AUTOESTIMA BAIXOCLERO CANTORES CATEQUESE COOPERATIVISMO CORPUSCHRISTI CÉLULAS DOCUMENTOS DOUTRINASOCIAL ESCÂNDALO ESTATÍSTICA FILOSOFIA GASTRONOMIA GotasBíblicas MARISTAS MEDITAÇÃO MESTERS MIGRANTES MOTIVAÇÃO MÉXICO NSGUADALUPE PECADO PEDOFILIA PadreChrystian RELIGIOSOS RENOVAÇÃO SUDÁRIO SãoFreiGalvão TABAGISMO TERRASANTA UNIDADE VIOLÊNCIA BEATIFICAÇÃO ACONSELHAMENTO ADORAÇÃO ANTICRISTO APAEs APOSTAS APOSTASIA ARMÊNIA AUTOCURA AVAAZ BATIZADOS BEAGÁ BIOGRAFIAS CHILE CHINA CIRCO COLÔMBIA CONSAGRAÇÃO CONVERSÃO CÍRCULOS DEBATE DEMOGRAFIA EMPRESAS ESPANHA EUROPA EVANGELISMO Especial FOZDOIGUAÇU FREIBETTO FREIDAMIÃO FRUTAS FÁTIMA GOIÂNIA GREVE GruposBíblicos HOMENAGENS IDEIAS IMPEACHMENT JESUITAS JOINVILLE LITURGIA LOURDES MARANHÃO MATOGROSSO MISERICÓRDIA MSM NÔMADES OAnônimo ONGs P.CARCERÁRIA PADROEIRA PATERNIDADE PAULOFREIRE PERFIL PERNAMBUCO PETRÓPOLIS PHN PIAUÍ POLIGAMIA PORNOGRAFIA PPI PROFISSÕES PROMESSAS PROSPERIDADE Pe.FÁBIOdeMELO Pe.PauloRicardo Prof.MARINS REDEGLOBO RELÍQUIAS RONDÔNIA RUSSIA SACRILÉGIO SANTACATARINA SANTAMISSA SANTAPAULINA SANTOANDRÉ SEGURANÇA SOBRIEDADE SOROCABA SÍNODO Século21 TAUBATÉ TECNOLOGIA TERCEIROSETOR TURQUIA UNESCO VIDANIMAL ZUMBI

Os tronos de Cristo Rei, por dom Orlando Brandes




  “Meu reino não é deste mundo. Nasci e vim ao mundo para dar testemunho da verdade. Sim, eu sou rei” (cf Jo. 18,36-39).

    Celebramos mais uma vez a festa de Cristo Rei. Jesus triunfa sobre a morte, a lei, a carne, o pecado. Esta é a festa da centralidade de Jesus. A Ele o louvor, a honra, a glória, a ação de graças, a adoração. Ele é o rei dos pecadores, dos pobres, dos últimos, dos pequenos, dos que procuram a verdade. Muitos cristãos têm dificuldade de entender e aceitar a festa de Cristo Rei do Universo, porque os reis, os imperadores, os chefes de Estado quase sempre foram grandes pecadores.

    Jesus mesmo resolve o problema quando afirma: “Meu reino não é deste mundo. Nasci e vim ao mundo para dar testemunho da verdade. Sim, eu sou rei” (cf Jo. 18,36-39). Sim Jesus é rei pelo fato de ser Filho de Deus, de ser o Salvador do mundo, de ser o Primeiro e o Último, Alfa e Ômega, Começo e o Fim, Caminho, Verdade e Vida e de ter ressuscitado dos mortos. Seu reino é o reino da verdade. Vamos agora refletir sobre os tronos de Cristo Rei.

1. O cosmos.
    Tudo foi criado em Cristo. O Verbo, se fez carne e assim inseriu-se no universo criado. Para executar seu plano de salvação, Deus dá o primeiro passo criando o céu e a terra. O cosmos é o primeiro trono de Cristo Rei, do “Cristo cósmico”, do “Evangelho de criação”. O mundo não procede do caos, nem do acaso, mas de uma decisão de amor. “É o amor que move o sol e as demais estrelas” (Dante Alighieri). É Jesus que entregará ao Pai todas as criaturas para que Deus seja “Tudo
em todos” (cf I Cor.15,28).

2. A manjedoura.
    Eis o outro trono de Cristo Rei. Os anjos, Maria e José, os pastores, os magos prostraram-se e adoram Jesus na manjedoura. Aos pequenos e pobres é dado o reino dos céus. A manjedoura abalou o trono de Herodes. Jesus é “chave, o centro, o fim de toda a história humana” (G. Spes 10). Ele não veio como militar, nem como Imperador, mas, como criança. Não escolheu o caminho dos palácios e das empresas, mas, “o caminho da família”, diz o Papa Francisco. Quem tiver um coração de criança entrará no reino de Deus.

3. A cruz.
    Elevado na cruz, Jesus atraiu todos a si. Na cruz Ele foi glorificado. Eis o trono da sabedoria de Deus, a “ciência da cruz”. O crucificado, o Cordeiro que tira o pecado do mundo, é o Rei do Universo. “Se com Ele sofremos, com Ele reinaremos” (cf II Tim. 2,11). Diz Paulo Apóstolo: “é necessário entrar no reino de Deus por meio de muitas tribulações” (At. 14,22).

4. O sacrário.
    Aqui encontramos Jesus vivo, ressuscitado, operante. Vinde adoremos, prostremos-nos por terra. Céus e terra bendizei ao Senhor. No despojamento eucarístico e na prisão do tabernáculo está o Ressuscitado, resplandecente de simplicidade e sublimidade. Ali está o Rei que fez um grande banquete. A Eucaristia é um “mistério de luz, remédio de imortalidade, raio de glória, antecipação de núpcias eternas do Cordeiro” (São João Paulo II). Lembremos as palavras do Senhor: “Quem comer deste pão viverá eternamente” (Jo. 6,51).

5. O coração humano.
 Que Deus habita em nossos corações é uma verdade revelada. Santos e santas fizeram grandes experiências de encontro com Deus no íntimo da alma, no interior do coração. Somos templos da Santíssima Trindade. Nosso coração é um santuário, um sacrário, uma habitação, uma moradia, uma casa, um trono de Jesus Cristo, Rei do céu e da terra.

6. O coração do pobre, do doente, do preso, do peregrino, do sedento, do nu.
    Nestes corações Jesus Cristo reina e promete que todos os que realizam obras de misericórdia em favor de todos estes irmãos e irmãs, tomarão posse do reino eterno. O reino de Deus tem como pilares a justiça, o direito, a vida, a verdade, a paz, o amor, a graça. Adorar Cristo Rei é antes de tudo serví-lo nos excluídos, empobrecidos, marginalizados. Longe de nós o racismo, a tortura, a fome, a
prostituição que denigrem a dignidade da pessoa, templo do Espírito Santo.

7. O universo, mundo, as nações, os povos são igualmente tronos do Senhor da História, do Salvador da humanidade.
    Encontramos nas culturas, nas religiões, nos povos as “sementes do Verbo”. A reta consciência é voz de Deus que ensina o fazer o bem e evitar o mal, a amar a Deus e ao próximo. “Em sua encarnação o Filho de Deus uniu-se de algum modo a todo homem” (GS.22). Nos corações de todos os homens de boa vontade a graça opera de modo invisível. A todos é oferecida a possibilidade de se associarem, de modo conhecido por Deus, ao mistério pascal. Jesus é o Rei da verdade para todo homem e os que o recebem se tornam filhos de Deus.

Dom Orlando Brandes,
arcebispo da Arquidiocese de Londrina

Fonte: http://arquidioceselondrina.com.br/

0 comentários:

SUPLEMENTO

Edição 47